Aventura, espiritualidade e convivência: Campo Bosco 2018
01/19/2018
Itaquera: Paróquia Nossa Senhora Aparecida realiza assembleia
01/22/2018

Terminam os Dias de Espiritualidade da Família Salesiana 2018

Concelebração Eucarística dominical na Basílica de Maria Auxiliadora e sucessivo encontro de síntese no Teatro Grande de Valdocco… Chegam ao fim os XXXVI DEFS 2018 (36º Dias de Espiritualidade da Família Salesiana 2018). Foram quatro dias de partilha, ágape e sério empenho por crescer ainda mais no zelo e serviço pelos jovens do mundo inteiro.

Presidiu a Concelebração Eucarística o Reitor-Mor dos Salesianos, P. Ángel Fernández Artime, que em sua homilia retomou o convite do Papa Francisco a dar muita atenção à oração litúrgica. Em seguida, a partir da oração coleta de hoje, indicou à FS os traços para tornar-se eficaz na própria ação pelos jovens: ser (a FS) “contemplativa e de olhos bem abertos”, porque só contemplando a Deus é possível testemunhá-Lo; ser “peregrina nos lugares e corações”, para que o convite a ser Igreja ‘em saída’ encontre a FS na primeira linha; ser uma “FS do já e do agora mesmo”, isto é: consciente de que o tempo de agir é agora, porque são tantos os jovens em todo o mundo que “têm sede de Deus” e “estão à espera de uma mão que os libere e alente, à espera de um coração que os acolha”. Na segunda parte, de volta ao Teatro Grande de Valdocco, procedeu-se a tirar as conclusões de todas as experiências vividas nos DEFS 2018.

O P. Eusebio Muñoz, Delegado do Reitor-Mor para a FS, relatou uma síntese das conclusões alinhavadas nos trabalhos de grupo. Elencou os numerosos recursos à disposição da FS, começando pela presença de jovens bem formados e empenhados como os do MJS. Prosseguindo, ilustrou os desafios lançados aos educadores. E concluiu com algumas recomendações: nunca perder de vista a centralidade do Sistema Preventivo; trabalhar em sinergia; zelar por uma Pastoral Vocacional que faça conhecer todos os Grupos da Família Salesiana. O “Decálogo do acompanhador salesiano”, apreciado pelo mesmo Reitor-Mor, foi mais um instrumento proposto na ocasião, pelas FMA.

Por último, o P. Fernández Artime levou ao palco o autor do pôster da Estreia para 2018, o quadrinista “Fano”, presente aos Dias com toda a sua família. Cconcluiu o Evento dos Dias com o convite a todos os membros da FS a olhar para o futuro com esperança: “Hoje todos nós devemos ser os novos Dom Bosco, Madres Mazzarello, os diferentes Fundadores dos vários Grupos da FS no mundo… O sonho de Dom Bosco é um sonho que se torna realidade”.

ANS – Turim