Etiópia: Uma segunda chance para os menores de rua
06/23/2017
“Feliz de ser missionário na terra sonhada por Dom Bosco”
06/26/2017

P. Thomas Pallithanam nomeado representante dos Salesianos na ONU

Será o P. Thomas Pallithanam, indiano, da Inspetoria salesiana de Hyderabad, o próximo representante do Reitor-Mor e do Conselho Geral, junto às Nações Unidas (ONU – Organização das Nações Unidas). Ele estará sob a dependência, responsabilidade e acompanhamento do Conselheiro Geral para a Pastoral Juvbenil Salesiana, em colaboração com o Conselheiro Geral para as Missões e o Ecônomo Geral.

Foi nomeado pelo Reitor-Mor, P. Ángel Fernández Artime. O P. Pallithanam, 67, há mais de 30 anos empenhado em atividades de ‘advocacia’ e ‘lobby’ em nível nacional e internacional em favor dos mais jovens e mais necessitados. Sucederá ao P. Thomas Brennan, que representa os Salesianos junto ao Conselho Econômico e Social das Nações Unidas (ECOSOC) desde quando aos Salesianos foi reconhecido o status de Consultores Oficiais, em 2007.

Originário de Kottayam, Estado de Kerala, Índia, onde nasceu aos 11 de janeiro de 1950, o religioso salesiano é atualmente Coordenador Nacional da “Wada Na Todo Abhiyan”, grande federação de organizações não governativas (ONGUEE) indianas, empenhadas em monitorar as atividades do Governo Federal e dos Governos Estaduais, e a promover o diálogo entre a sociedade civil e as autoridades públicas; e também representante indiano da “Global Call to Action Against Poverty”, uma aliança mundial entre numerosas plataformas e organizações, de luta contra a pobreza.

Em seu longo currículo de atividades e de representação, o P. Pallithanam desempenhou numerosos outros encargos, e como responsável pela “People’s Action for Rural Awakening”, ONG empenhada na defesa dos direitos dos ‘Dalits’ (‘Intocáveis’), promoveu a organização de perto de mil Clubes dos Direitos Humanos em 525 escolas, em sua maioria estatais, da Índia.

Inúmeros são depois os eventos e as campanhas organizados pelo P. Pallithanam para a promoção das crianças e adolescentes, a educação aos direitos humanos, assim como a participação de encontros e iniciativas sobre os mesmos temas.

O P. Pallithanam, que assumirá o novo encargo no próximo mês de setembro, no mui amplo serviço realizado nas ONG´s e como palestrante, sempre esteve ligado ao trabalho de campo. Nos últimos 26 anos, a sua residência estável foi uma pequena estação missionária Ravulapalem, no Estado do Andhra Pradesh.

Ele estará além disso em constante ligação com a Procuradoria Missionária Salesiana, de New Rochelle-NY, EUA.

O ECOSOC, junto ao qual interagirá o P. Pallithanam, é um órgão consultivo e de coordenação, das Nações Unidas, empenhado na programação do desenvolvimento econômico, a assistência técnica e financeira a países menos desenvolvidos, a promoção de respectivos estudos (econômicos, sociais, culturais, educativos, sanitários).

ANS – Roma