Novo espaço salesiano em Lorena homenageia o Irmão Tião
09/30/2016
AJS realiza o 2º Acampadentro do Colégio Salesiano Dom Bosco de Piracicaba
10/03/2016

Visita Canônica: Obra Social Santa Luzia recebe o Pe. Natale Vitali

A Visita Canônica Extraordinária é feita de seis em seis anos em nome do Padre Ángel Fernández Artime, Reitor-Mor da Congregação Salesiana. Durante a visita, que ocorreu entre os dias 22 e 26 de setembro, o Pe. Natali pôde participar do dia a dia do Centro Social e Paróquia Santa Luzia do Jardim Nordeste, na capital, conduzindo o Bom dia e Boa tarde (momentos de reflexão diária) dos atendidos do CEDESP (Centro de Desenvolvimento Social e Produtivo) e CCA (Centro da Criança e do Adolescente) Santa Luzia. Participou também de reuniões formativas com membros do Conselho Pedagógico e Conselho Administrativo, retomando as metas do sexênio anterior e ajudando a definir metas para o próximo período.

No domingo (24), o Pe. Natali presidiu e celebrou com os jovens da Paróquia Santa Luzia e comunidades São João Batista, São Nicolau e Nossa Senhora de Fátima, a tradicional Missa da Juventude. Os jovens dos grupos de jovens, catequese de crisma e perseverança cuidaram da animação e liturgia. Ao final apresentaram uma ação de graças com o tema “Jovens Conduzindo Jovens” e receberam uma benção especial.

Ainda no domingo, ocorreu também o Encontro inspetorial de Oratórios, Região Capital, que contou com a presença de jovens dos oratórios do Colégio Santa Teresinha, Liceu Sagrado Coração de Jesus, Centro Social e Paroquia Santa Luzia e também com a presença dos jovens vocacionados. O evento iniciou-se com a missa e durou o dia todo.

Pela manhã os oratorianos participaram de um momento formativo seguido do almoço. À tarde a diversão ficou por conta do campeonato de futsal, momento esperado pelos times dos oratórios que treinam durante o ano todo, e nem a chuva, que caiu em determinado momento, conseguiu tirar a animação e o brilho do evento.

Contou-se também com um futebol de sabão, que serviu para a animação daqueles que não iriam participar do torneio, além dos jogos de mesa (ping-pong, pebolim e “quebra-dedo”) e do vídeo game, a diversão foi garantida. O evento finalizou com um número de magica apresentado pelo magico Henry e encantou as crianças com a arte do ilusionismo.

Texto: Débora Rodrigues e Paulo Bastos, SDB / Fotos: Andressa Silva (Centro Social Santa Luzia), Adriano Bordin (Colégio Santa Teresinha) e Victor, Maiki e Arison (Vocacionados).