Nota conjunta – CNBB
10/22/2018
Escola São José: recorde de medalhistas em olimpíadas de conhecimento
10/23/2018

Ser professor é “professar a fé no ser humano”

Em 16 de outubro, terça-feira, os professores da Comunidade Educativa São José, de Campinas, foram homenageados com um café especial servido na Sala dos Professores do Piso Verde. O diretor pedagógico da Escola Salesiana São José, Alencar André David, e do diretor operacional do UNISAL (Centro Universitário Salesiano de São Paulo) Anderson Luiz Barbosa, pronunciaram palavras que ressaltaram a importância do professor em nossa comunidade.

A Pastoral abordou os ensinamentos de Dom Bosco e o acolhimento dos professores aos alunos em sua totalidade, como é importante a inteligência emocional nestes momentos. O lugar foi maravilhosamente enfeitado com a assistência da colaboradora da Educação Infantil Cristiane Rodrigues Pimenta, lembrando os dons de cada professor, escritos em um mural, e os dons do Espírito. No final, um brinde foi entregue para perpetuar esse momento de gratidão aos professores.

Padre Alexandre Luis de Oliveira, diretor geral da escola, leu um poema de sua autoria para homenagear os professores:

Ser professor é professar a fé no ser humano, que se humanizando, torna este mundo a casa de todos!

Ser professor é consumir horas e horas pensando em cada detalhe daquela aula…, que mesmo ocorrendo todos os dias, é sempre única e original!

Ser professor é entrar cansado no “sagrado espaço” de uma sala de aula e, diante da reação da turma, inesperada, sempre imprevista, transformar a fadiga em uma maravilhosa aventura de ensinar e aprender!

Ser professor é apontar caminhos… É colocar-se ao lado…, é dar as mãos e permitir que novas possibilidades se descortinem no horizonte do aparentemente comum!

Ser professor é acreditar que a educação não muda a sociedade, mas muda as pessoas, e pessoas transformadas, transformam a sociedade!

Enfim… No trilho de uma ferrovia, no bisturi da cirurgia, no tijolo, na olaria, no arranque do motor…, tudo o que se cria, na nota de uma partitura, no projeto de arquitetura, em toda a teoria, tudo que se inicia, em todo bom começo, sendo feito com amor, tem um bom educador!”.

Simone Silva – Comunicação e Marketing – ESSJ