Colégio São Joaquim recebe visita de Especialista Educacional da Edebe
agosto 7, 2017
Alunos de Piracicaba aplicam física e matemática em competição de rolimã
agosto 8, 2017

Pe. Lima participa de encontro continental sobre catequese nos Estados Unidos

De 28 a 29 de Julho de 2017, realizou-se na Arquidiocese de Boston (EUA) a VII Jornada de Estudos Catequéticos. É uma iniciativa que se realiza de dois em dois anos em diversos pontos do Continente Centro e Sul Americano, promovido pela Sociedade de Catequetas Latino-Americanos (SCALA).

Dessa vez realizou-se nos EUA, para integrar os inúmeros agentes latinos de pastoral, sobretudo de catequese, que trabalham naquele país com migrantes de língua castelhana e portuguesa, que se contam aos milhões… Só na Arquidiocese de Boston, segundo o Card. Sean Patrick O’Malley, que fala perfeitamente o português, existem 200 mil brasileiros! O tema do encontro foi: “Catequese na América: desafios e esperanças num continente em mudanças”, querendo impulsionar o caminho da renovação catequética a partir das realidades cambiantes de hoje e à luz das orientações eclesiais. Quis também ser uma comemoração e retomada das grandes linhas renovadoras do Diretório Geral para a Catequese (20 anos), de Aparecida (10 anos) e do recente documento do CELAM: A Alegria de Iniciar Discípulos Missionários de 2015.

Participaram quatro brasileiros, entre eles o Pe. Luiz Alves de Lima, professor no Unisal (Centro Universitário Salesiano de São Paulo, campus Pio XI), um dos fundadores de SCALA e seu presidente durante oito anos. Também havia quatro salesianos/as vindos do Uruguai, Brasil, Peru e Venezuela e inúmeros ex-alunos, sobretudo de nossa Universidade Pontifícia Salesiana (UPS) de Roma que são membros de SCALA. Além dos 22 membros de SCALA presentes, foram convidados também uns 15 catequetas latinos que trabalham nos Estados Unidos.

Foi um encontro muito produtivo e rico de conteúdos… E também rico pelas circunstâncias de estar no país mais desenvolvido do planeta…! Ajudou muito também a cultura pragmática estadunidense, de proficiência e agilidade. Todas as palestras e comunicações foram previamente enviadas, de modo que durante as Jornadas de Estudo os autores tinham apenas 10 a 15 minutos (cinco para as comunicações) a fim de pontuar as questões já previamente estudadas. Assim, o tempo foi muito bem aproveitado… E sobraram ainda momentos para visitas em algumas obras significativas de evangelização daquela imensa arquidiocese, entre elas a Paróquia São Tarcísio, dos brasileiros.

Pe. Luiz Alves de Lima