Dia Missionário Salesiano

Uma tradição que continua

Qual o significado?

Desde 1926 se celebra na Igreja Universal o Domingo Missionário Mundial. A partir de 1988 é proposto um tema missionário para toda a Congregação Salesiana. Todas as comunidades salesianas têm oportunidade de conhecer uma realidade missionária específica. É um momento forte para a Animação Missionária nas Comunidades Salesianas inspetoriais ou locais, nos grupos juvenis e na Família Salesiana. Trata-se de uma oportunidade para envolver a comunidade SDB e as comunidades educativo-pastorais (CEP) nas dinâmicas da Igreja Universal, reforçando a cultura missionária.

Por quê?

Para dar um impulso à Animação Missionária, oferecendo uma proposta que se tome um projeto anual concreto; para ajudar a Família Salesiana a conhecer o empenho missionário da Congregação, a abrir os olhos às nossas realidades missionárias, a superar toda tentação ao fechamento dentro do próprio território ou contexto e a recordar-se da vivência universal do carisma salesiano. "As atividades de formação sejam sempre orientadas para os seus fins específicos: informar e formar o Povo de Deus para a missão universal da Igreja, fazer nascer vocações ad gentes, suscitar cooperação para a evangelização." (João Paulo II, Redemptoris Missio, 83).

Quando?

Não existe uma data fixa para o DMS em âmbito mundial. Cada Inspetoria escolhe uma data ou período mais adaptado ao próprio ritmo e calendário. Algumas datas tradicionais nas Inspetorias (próximas à festa de Dom Bosco, em janeiro, ou ao aniversário de Dom Bosco em agosto, quaresma, festa dos Santos Mártires Missionários Luís Versiglia e Calisto Caravario — 25 de fevereiro; mês de maio; mês missionário de outubro, ou então 11 de novembro). Antes de tudo, é importante oferecer um itinerário educativo-pastoral de algumas semanas — do qual o Dia Missionário Salesiano se constitui no ponto culminante. O DMS é a expressão de um espírito missionário de toda a Comunidade Educativo-Pastoral, mantido vivo durante todo o ano mediante diversas iniciativas.

Como é animado?

A partir de uma reunião dos Diretores, no qual o Delegado para a Animação Missionária explica o objetivo e distribui os instrumentos disponíveis para o DMS na Inspetoria (página web inspetorial ou então um link ao www.sdb.org — DMS). Assim todas as comunidades SDB se tornam as primeiras destinatárias das dinâmicas do DMS. Todos os anos se oferece um apoio concreto à missão, concentrando a atenção num aspecto real da cultura missionária e rezando pelos missionários apresentados no DMS.

Quem celebra?

O primeiro destinatário é a comunidade salesiana SDB. Depois, conforme as Inspetorias, há vários modos de organizar, de acordo com os ambientes da missão salesiana (escolas, centros de formação profissional, paróquias, grupos juvenis, especialmente grupos ou voluntariado missionário) e da Família Salesiana (Salesianos Cooperadores, Ex-Alunos, Grupos da ADMA), abertos a todo o movimento salesiano e aos amigos de Dom Bosco.

Com que meios?

Já no ano pastoral anterior são oferecidos a todas as comunidades salesianas: um manifesto, um subsídio impresso, um DVD com filmes sobre o tema, um DVD como material didático e audiovisual em várias línguas. Para o material impresso basta dirigir-se ao Dicastério para as Missões, Roma (cagliero11@gmail.com), os DVDs são produzidos pela MDB, Turim, e estão disponíveis também no Youtube (http://www.missionidonbosco.tv).

A importância da oração pelas missões?

 Todos os membros da CEP contribuem para a ação missionária da Congregação e da Igreja com a oração, acompanhada pelos sacrifícios em favor dos missionários salesianos e pelas vocações missionárias. Todos os meses, o dia 11 é uma ocasião para rezar conforme a Intenção Missionária Salesiana. Todos os anos com o tema do DMS é proposta uma oração específica. A ação missionária brota e é sustentada pelo encontro com Deus.

O projeto para o DMS?

Todos os anos é proposto um projeto para toda a Congregação. Esta é uma parte importante da dinâmica do DMS. A finalidade primária do projeto do DMS não é apenas coletar fundos. Antes, quer ser uma experiência educativa à solidariedade concreta para os jovens. O DIAM — Delegado Inspetorial para a Animação Missionária — promove a solidariedade através de várias iniciativas, especial-mente durante os tempos litúrgicos fortes do Advento e da Quaresma, e durante o mês de outubro, ou como parte das celebrações do DMS.

Avaliação?

A avaliação, depois do DMS, é tão importante quanto a sua preparação e celebração. É preciso não só verificar se de fato o DMS favoreceu, mediante o tema proposto, uma cultura missionária na comunidade local ou inspetorial mas também anotar as sugestões pelas quais melhorar os DMS futuros.