FEST 2020 reúne juventude salesiana virtualmente
10/23/2020
Centro Juvenil Lapa realiza Encontro Sociofamiliar sobre cidadania
11/03/2020

Colégio de Americana promove reflexão sobre bullying

Durante a semana do dia 19 a 23 de outubro, as Equipes de Ajuda do Ensino Fundamental II do Colégio Salesiano Dom Bosco de Americana (SP) promoveram uma reflexão sobre o fenômeno do bullying, inspiradas pelo Dia Mundial de Combate ao Bullying (20 de outubro).

Em cada uma das salas de aulas virtuais, as equipes relembraram as características deste fenômeno que não se confunde com brincadeiras, nem com atos isolados de violência, mas configuram uma prática de atos de violência sistemáticos e repetidos, que acontecem entre pares em situação de poder desiguais (onde um se sente forte enquanto o outro se sente frágil). Além disso, o autor de bullying age com a intenção de ferir e o alvo, devido a sua exposição a situações frequentes, onde sofre humilhações ou agressões de vários tipos, passa a se sentir cada vez mais impotente perante o autor.

Além de relembrar as características, realizaram uma reflexão sobre como se sentem os alvos de bullying, as consequências que podem advir de tais violências e lembraram que quem pratica bullying também pode estar sofrendo, e que, por isso, os dois precisam de diferentes tipos de ajuda.

As Equipes ainda abordaram a existência, muito frequente, de pessoas que veem a prática de bullying acontecer: a plateia. Ela compõe a maioria dos pares e, muitas vezes, apoia ou não reage, mesmo não concordando com tais atos. Nesse sentido, a equipe lembrou o quanto é importante o engajamento adequado das pessoas que fazem parte desse público.

Por fim, reforçaram que, como membros das Equipes de Ajuda do Colégio, podem oferecer apoio a quem precisar, e que é sempre importante pedir ajuda (a eles ou a algum adulto) nessas situações, pois, em casos de bullying existem protocolos de intervenção específicos que são realizados pela gestão do Colégio.

Bullying é algo muito sério e deve ser cuidadosamente combatido. Que possamos todos buscar esclarecimento e aplicar os protocolos de intervenção específicos a esse tipo de violência.

Para saber mais, acesse: http://somoscontraobullying.mystrikingly.com/

Atividade das Equipes de Ajuda durante o Setembro Amarelo – Aula de convivência Ética do 7º Ano

A seguir, o depoimento de uma das integrantes da Equipe de Ajuda do 8º ano A, Giovana Dallaneze.

“Parece que foi ontem que a nossa orientadora, a Mirielly, entrou na sala do 7º ano para dar um recado sobre a mais nova ‘equipe de ajuda’, que seria empregada em todas as salas do fundamental II. Me lembro de ficar empolgada com a ideia desde o começo. Mesmo assim, eu mal sabia o quão incrível e gratificante essa experiência se tornaria para mim.

 Hoje, há um ano e alguns meses, posso dizer com convicção: valeu muito a pena dizer sim a isso.

 Aos poucos, vemos um resultado positivo nas salas pelos projetos que promovemos e pela ajuda que oferecemos.

 Lutar contra o bullying e problemas sociais de frente pode ser um pouco desafiador de vez em quando, mas acredito que a forma como fomos ensinados a reagir a situações complicadas podem ajudar não só com os relacionamentos em classe, mas com o nosso próprio desenvolvimento pessoal.

 Me sinto muito feliz e grata em poder participar de um projeto tão importante e espero sempre poder continuar contribuindo como eu puder.”

Equipes de Ajuda – 9º A juntamente com o professor da disciplina de Convivência Ética

Por Mirielly Carrara – Orientadora pedagógica do Fundamental II do Colégio Dom Bosco – Americana (SP)
Foto de capa: Encontro quinzenal das Equipes de Ajuda para discutir os casos que precisam de intervenção e as atividades de prevenção